segunda-feira, 5 de junho de 2017

FALEMOS DE GRÊMIO - Guardem Jornais. Testemunhamos nascimento de uma Lenda

Dia 04/06/2017
Brasileiro - Rodada 4
Grêmio 2x0 Bota fogo
Local: Arena
Gols: Barrios e Luan.



Grêmio empolga, mas calma e humildade se fazem necessárias.
Temos no RS exemplo, dos males vindos da soberba.
Nas Copas nada ganhamos; no Nacional primeira meta é fazer 46 pontos e se garantir na "A"; depois se pensa em vôos mais altos.
Cedo pra previsões,  mas as primeiras impressões nos enchem de orgulho.
Considerando que se confirme o otimismo crescente...
Equipes Históricas viraram Lendas com nome e sobrenome.

Santos de Pelé; Flamengo de Zico; Cruzeiro de Tostão; Academia do Palmeiras; Grêmio de Felipão...
Como seria lembrado esse Grêmio? 

Dia 31/05/2017
Copa do Brasil - Oitavas 
Grêmio 2x0 Fluminense 
Local: Maracanã
Gols: Pedro Rocha e Luan.

GRÊMIO: Marcelo Grohe, Léo Moura, Kannemann(Bressan),  Geromel(Rafael Thyere) e Cortez; Michel, Arthur, Ramiro e Luan(Gastón Fernández);Pedro Rocha e Lucas Barrios

Grêmio sobrou. Fluminense pode reclamar de expulsão de Nogueira, logo no inicio do jogo.
Discutível. Carrinho por traz,  mas não sobraram dúvidas. 
Com ou sem expulsão, Grêmio passaria.
Muito mais time.


Dia 28/05/2017
Brasileiro - Rodada 3
Grêmio 3x4 Sport
Local: Recife 
Gols: André  (3), Ferraz (Sport).
Fernandinho (2) e Thyere (Grêmio)
GRÊMIO: 
Leo; Thyere, Bruno Rodrigo (Beto da Silva) e Bressan; Kaio, Machado, Jaílson e Conrado; Fernandinho, Nicolas Careca (Lima) e Everton (Pepê).

Poupar titulares era necessário. Temporada longa. No ritmo que estava, estouraria os Caras.
Dentro das circunstâncias, derrota dentro do previsivel; a lamentar a forma que ocorreu.
Sair fazendo 2 e deixar virar, em falhas individuais primárias. 

REPETINDO O JÁ POSTADO; SÓ PRA CONFIRMAR.
QUEM FOR GRÊMIO DE ALMA NEM NOTARÁ TER O TEXTO, FICADO LONGO.



GUARDEM RECORTES DE JORNAIS.
TESTEMUNHAMOS O NASCER DE UMA LENDA.

Morava em São Paulo. Assistia no Canindé  Grêmio 1x1 Lusa, quando ouvi de um profundo conhecedor de futebol da Rádio Jovem Pan.
- Triste ver esses jogadores vestindo a camisa Tricolor. Timinho.
O Tim indo era o Grêmio de Felipão, em fase de construção...

Deuses da Bola costumam se manifestar por Quatro Linhas Tortas.
Impressionante.
Existem casos de Grandes Elencos no papel e a "Quimica" engrossa.
Lembro do Flamengo de Savio, Romario e Edmundo. Não deu liga.


Do outro lado da moeda temos o inverso.

Jogadores desconhecidos, outros já com Estrada de Insucessos ou coadjuvantes; Técnico com capacidade sob análise, Universo conspirando contra e a Mágica acontece.
Gremistas viveram Fenômeno. O mais vencedor de todos os Grêmios, formado por jogadores rejeitados e técnico desconhecido.


Como esquecer?
Danrlei, Arci, Rivarola ( Mauro Galvão),  Adilson e Roger. Dinho (Emerson) e Miguel. Paulo Nunes, Jardel  (Alcino) e Arilson (Ailton)
Técnico - Scolari.

Normalmente caímos na armadilha exposta no Clássico da Música Brasileira "Mirai", ao concluir letra saudosa de um passado:

EU ERA FELIZ E NÃO SABIA.

Muitos Gremistas perceberam a grandeza do Grêmio de Scolari, somente quando o time saiu dos campos, pra entrar na história  (parafraseando Getúlio Vargas).
Talvez o tempo queime minha língua,  já tão calejada de queimaduras, paridas de previsões não confirmadas, mas depois do que vi no Grêmio 2x0 Fluminense, atrevo-me a prever.

Testemunhamos o nascer de mais uma página de Glórias Tricolores.


O time montado pelo principiante Roger e lapidado nas mãos do contestado Portaluppi, chegou chegando pra chegar e ficar, com a marca registrada dos fenômenos, com tudo pra Maionese desandar.

Assim falavam os Hereges:
- Grohe - Eterno reserva. Soube esperar sua vez com humildade e aprendendo o ofício com os melhores, mas é mão de alface.
- Edilson - Indisciplinado e desagregador; ninguém quer.
- Leo Moura - Velho; ex jogador em atividade.
- Geromel - Desconhecido. Chegou bombardeado por piadas.
- Kannemann - Ele era a piada.
- Marcelo Oliveira - Sem condição. Bruxo de Portaluppi.
Obs: Esse confirmou teses pessimistas. Quando é pra dar certo, Deuses colocam o dedo.
- Cortez - Sem chance. Da noite.
- Ramiro - Invenção de Renato.
- Arthur - Enganador. Fogo de Palha.
- Maicon - Elefante Branco.
- Jailson - Peladeiro. Apanha da bola.
- Michel - Comum. Veio por ser barato.
- Gata - Pendurou a chuteira e não avisaram.
- Lincoln - Moleque deslumbrado.
- Luan - Sabe jogar, mas é morto.
- Pedro Rocha - Se atrapalha com a bola. Não sabe fazer gol.
Obs: Também confirmou, mas gol contra Fluminense mostrou evolução.
- Barrios - Bichado.
- Beto Silva - Beto quem?
- Evertom - Promessa que não vingou.
- Fernandinho - Nasceu pra ser "inho".
- Bolanos veio passear e Douglas é  barrigudo.

- Renato Portaluppi - Não é treinador. É motivador.


Então tá então!...
Jogo é jogado. Falar é um direito, embora não seja direito.
Eu falei. Você falou.
Quem atira a primeira pedra?...
Enquanto falávamos, eles trabalhavam e tudo indica que seremos felizes, mas com uma sensível diferença.
Sou Feliz e sei.
Venham a mim as Tacinhas! ...
E quanto aos críticos???
Perdoe-os Tricolor.
Não sabem o que fazem...


Obrigado por prestigiar nosso Trabalho.
Ajude-nos a continuar.
Torne-se um Seguidor do Sofá.
Ao acessar clique nas postagens dos nossos Patrocinadores.
A cada clicada incentivará quem nos apóia e pagará seu ingresso, sem nada desembolsar.

Romario Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário