quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Comunismo contamina e fanatiza; não respeita classe social

O que importa é o Comunismo; Povo é detalhe.

"Meus heróis morreram de overdose"...
Vou além grande Cazuza; overdose de Doutrina Comunista.

Sem Terra só no Boné; gostamos é de Coberturas

Sou réu confesso; anos atrás era fã de carteirinha da ESPN BRASIL.
Contratei Direct TV, hoje Sky, pra sintonizar ESPN e não mudar de canal.
Era do tipo de enviar fax (veja quanto tempo faz), principalmente para o Programa Bate Bola, ancorado na época por Soninha Francine; eu adorava.
Lembro de críticas pesadas feitas por mim. Muitos deles não me suportavam. Teve repórter que ligou pra minha casa e me encheu de osso.
Não percebia. Eu queria ajudar, diante do amadorismo ingênuo à minha frente.
Brigas ao vivo, com apresentador abandonando Programa ainda no Ar. Filho de Diretor batendo bola no Studio durante Programa ao Vivo, como se fosse quintal de sua casa. Âncora entrando no Ar totalmente desmantelado, entre outros exemplos, tornavam a Emissora querida. A gente toprcia por eles.
Bons tempos aqueles; Palomino, Antero, Amigão, PVC  (sabia tudo) Paulo César Wasconcelos, Carsughi, Milton Leite e tantos outros; hoje espalhados por Fox, Sport TV e canais abertos.
Eu chamava o canal de ESPN São Paulo; troca de farpas carinhosa.
Se diziam Brasil e só falavam de Corinthians. Na condição de Gaúcho morando em São Paulo, ficava com muita raiva.
Primeiros passos de canais por assinatura na Lingua Portuguesa; tempos românticos que não voltam mais.
Eu me outorgava o direito de acreditar serem meus comentários e opiniões respeitados; a ilusão de fazer parte de algo maior.
Sem falsa modéstia.  Fui um grande inocente útil.

Brasil que se exploda. Queremos Lula no Poder!...

Trupe comandada por José Trajano. Achava o Cara uma sumidade. Acompanhava seu trabalho, desde à época da TV Cultura, Programa Cartão Verde e quando passou a participar de transmissões  do Campeonato Alemão.
Lembranças não faltam Destaque pra capítulo hilário, hoje no folclore da TV brasileira, protagonizado na transmissão do Campeonato Alemão. Cultura foi a pioneira e orgulhosa trazia para o País  jogo do Hansa Rostock, onde no primeiro tempo inteiro, ele e Gerd Wenzel, narrando e comentando, inverteram os times.
Trajano, uma figura. Ranzinza de bom coração; como não admirá-lo, dentro do seu mau humor apaixonado pelo América e com desejo de fazer a diferença?

Se é de Direita, soy contra

Tempo semeia Saudades e nos mostra um outro lado.
Hoje os vejo como realmente são; Comunistas de "griffe", fanáticos contaminados por Lula, Dilma, Orlando Silva, Aldo Rebelo e quadrilha.
Analisando friamente, fácil de conferir; contratações na Emissora tinham como primeiro critério, ser de Extrema Esquerda.
Com a queda de Dilma, Trajano surtou, deixou aflorar o fanatismo, misturou, jogou na lama sua reputação, carreira e imagem da Emissora.
Comunismo e Paulitanismo explícitos, defensores de carteirinha de Lula e do Corinthians, jogaram credibilidade da Emissora na lata do lixo. Pararam no tempo, tornando-se repetitivos e parciais; audiência caiu e projeto desandou.
A continuar, canal ESPN Brasil será desativado, permanecendo apenas ESPN Internacional
De Diretor de Esportes por 17 anos a demitido, numa trajetória marcada por mau uso da massa encefálica; prova cabal do poder de cegar da Lavagem Cerebral; mesmo entre os de nível cultural acima da média.
Imagem construída em anos de trabalho, exposta ao ridículo em bate bocas públicos com desafetos da Estrela, em rusgas Onde todos perdem; Gentili que o diga.

Vida é Corinthians e Comunismo. O resto é resto. Heil Lula!

"Comunismostossomose" não chega a ser um defeito. Por mais que considere a "doutrina" uma aberração impossível de ser posta em prática, respeito o direito de quem queira segui-la; desde que respeitando o bom senso.
ESPN Brasil implantada pelo Grupo Disney.
José Trajano é o retrato da contradiação.
Comunista, filhinho de papai, ex aluno do Colégio de Bacanas São Bento, com filho vivendo e Londres e, por longos anos, funcionário muito bem pago, de um dos maiores símbolos do Tio San, ocupando cargo maior e se multiplicando em efusivos elogios à Máquina Capitalista.
Em meio da Corrupção no Futebol, orquestrada por CBF, PCdo B e PT, gritava Fora Ricardo Teixeira, fica Aldo Rebelo, amo Lula, Dilma e só ouço músicas de Chico Buarque, Gil, Caetano e demais "cumpanheros".

Depois de Lula ser desmascarado, trazendo à tona toda a fortuna desviada da CBF, com a chancela do PCdoB à frente do Ministério dos Esportes, é triste ver José Trajano, Juca Kfouri e Antero, participando de video de Propaganda Política e Campanha 2018 em favor de Lula, com a presença do Vigarista, como sempre, mentindo e se fazendo de vítima.

Fui!...

Ainda hoje a decadente ESPN Brasil, vítima de uma contaminação Vermelha em seus quadros, luta pra se livrar do estigma Coréia do Norte, dos Canais Fechados.
Desmontada e afundada em ambiente conturbado, perde mais um profissional. Ale Oliveira engrossa lista já  numerosa de perdas consideráveis de qualidade de mão de obra.

Demorô Alê!... Aí é fria!...

Trajano, Kfouri & Cia, apenas exemplos do Soviét Castrista, Lulo Chavista, a contaminar a Imprensa e prontos pra entregar o País à uma versão ocidental do Kmer Vermelho.
Defensores do Socialismo e da Igualdade, desde que não precisem abrir mão do conforto oriundo do vil metal Capitalista, vivendo o padrão "Zelites de Qualidade", mas sem deixar de lado a luta contra a Classe Dominante.
Heil Lula!!!

VOU ALI VOMITAR E JÁ VOLTO
Coisas de um País que virou uma coisa.
E Assim o Mundo Gira e o brasil se Afunda


Morcego (***) - Assim chamamos nossas Fontes, garantindo-lhes preservar identidades.


Obrigado por prestigiar nosso Trabalho.
Ajude-nos a continuar.
Torne-se um Seguidor do Sofá.
Ao acessar clique nas postagens dos nossos Patrocinadores.

3 comentários:

  1. As Tvs, a imprensa em geral, as mídias jornalísticas estão infestadas de comunistas. Por esse motivo, perderam a credibilidade, e hoje quem está dominando são as redes sociais, e ainda bem que temos redes sociais.

    ResponderExcluir
  2. Eu também admirava a bancada citada...


    ResponderExcluir
  3. Juca é mau caráter, quando era editor da revista Playboy ele vendia a entrevista da página central para as celebridades, ele obrigava os entrevistados a comprar "serviços jornalísticos" da empresa pessoal dele e ele faturava por fora. Até o Pelé caiu nessa! Hoje defende a turma que desviou dinheiro na Lava Jato, não sei o motivo.

    ResponderExcluir